Eu sou Eduardo Junior e sou um apaixonado por aprender línguas. Atualmente falo três idiomas: Inglês, Português e Alemão, e estou aprendendo a minha quarta língua, o Espanhol. Você deve estar se perguntando, mas por quê aprender tantas línguas? 

A resposta é simples, quando você entende como se aprende línguas, tudo fica mais fácil e excitante, e o desafio se torna uma diversão para você.

SOBRE JUST TALKING ENGLISH E MINHA JORNADA NO INGLÊS

Em minha área de atuação, ter Inglês fluente não é apenas um diferencial, mas uma necessidade crucial quando a empresa onde você trabalha tem negócios no exterior.  Sou formado em Contabilidade e pós-graduado em Controladoria e Finanças, porém, todo este conhecimento não me dava a confiança de que precisava, porque até então, eu não falava Inglês fluente. 

Em um movimento de desespero, peguei um livro de Inglês completo e após alguns meses de estudo intenso, terminei o livro todo. Estava eu feliz da vida, sabia tudo de gramática, teorias e regras. Em testes na internet me saía super bem, com pontuação alta e o resultado sempre dizendo, "nível avançado". 

Mas a minha frustração era a mesma de muitos brasileiros aprendizes de Inglês: "Apesar de saber tanto, eu não falava quase nada de Inglês". Por quê isto

Meditei sobre o assunto, pesquisei sobre o assunto, li livros, conversei com poliglotas sobre seus métodos (a propósito, cada um deles dizia coisas diferentes sobre como aprender línguas), fiquei obcecado sobre como nosso cérebro aprende línguas. Então, tive um momento "eureca".  

Percebi algo importante. Estudar a língua é diferente de APRENDER a língua. Parece mesma coisa mas não é. Quando você está estudando a língua, você vê gramática, regras, teorias, etc... e pensa só depois de saber de todas essas coisas é que conseguirá falar o idioma... Grande  equívoco. Sabe por que

Porque a linguagem é uma habilidade, não um conhecimento apenas, ou seja, sem treinamento, sem ganho. E qual a primeira coisa que você deve treinar?

 

A resposta é "seus ouvidos".

Este é o MAIOR ERRO quando se está aprendendo uma segunda língua.... quase todos os iniciantes cometem o mesmo erro, e insistem nele e continuam errando quase até o final.. (Aprender com os olhos, querer entender toda a gramática logo de início, etc). E esquecem em dar os primeiros passos em realmente aprender a língua, em já falar a língua desde o começo, em ouvi-la diariamente em coisas que tem interesse, e ser divertido e motivante. 

"Aprender é importante, mas quando se trata de uma habilidade como é o caso da linguagem, o treinamento é fundamental, se você não treinar o que aprendeu, não vai adquirir habilidade e rapidamente irá esquecer".

O cérebro humano é preparado para aprender uma segunda língua, ele evoluiu para aprender línguas e de modo bem fácil até, porém, faz isto e de modo natural usando os OUVIDOS e não os OLHOS! Esta é uma verdade suprema e imutável, "Aprenda com os ouvidos, e não com os olhos". Os poliglotas entenderam isto há muito tempo... parece ser mais difícil, mas não é. O objetivo final para se aprender uma segunda língua é falar, se comunicar, adquirir conhecimento ou compartilhar conhecimento, para isto que serve a linguagem..

Agora o que vou dizer talvez muitos não irão gostar, mas é a pura verdade. Para aprender e ser fluente em qualquer língua, você precisa incorporar essa língua em sua rotina. Aprender uma outra língua envolve mudanças em sua vida, de fato, porém essas mudanças podem ser incríveis e positivas. 

Eu sempre digo isto aos meus aprendizes de Inglês "Apaixone-se por Inglês, ame falar Inglês, ame ouvir Inglês, sinta a emoção, e tudo ficará mais fácil e entusiasmante".

No meu trabalho, colegas me pediram para ensinar Inglês, porque eles viram a minha fluência e todo o meu entusiasmo ao ensinar (Isto é fácil quando se ama a língua), e foi assim que surgiu Just Talking English. 

Percebi que toda a jornada para aprender Inglês teve um efeito forte em mim. Eu tinha mudado, meus pensamentos eram diferentes, havia evoluído de alguma forma, não era mais o mesmo e também meus  objetivos.

Percebi o quanto sou bom em ensinar Inglês para quem desejar porque eu amo falar Inglês, meu entusiasmo e energia contagiam e motivam. Sei o que é necessário para se aprender Inglês ou línguas de modo geral, sei os atalhos, os erros que devem ser evitados para não perder tempo, energia e motivação, eu entendo a jornada e o destino almejado. 

"Se você quer ser realmente fluente, aprenda a estudar sozinho. Seja o MESTRE do seu próprio aprendizado, não delegue isto a outra pessoa ou escola de Inglês porque irá se decepcionar...

Se você quer ser bem sucedido, copie as pessoas mais bem sucedidas e você alcançará o mesmo sucesso. Sabias palavras que fazem todo o sentido". 

Toda a minha pesquisa, emprenho e reflexão me levaram a ter um segundo momento "eureca" incrível, foi quando percebi não existe um método mais correto ou milagroso, mas na verdade, um conjunto de métodos que todo o poliglota faz uso. Dessa forma comecei a ensinar o obter resultados extraordinários.  

 

O meu desejo hoje é eu mesmo me tornar um poliglota. Por que não? Nesta jornada estou usando tudo o que aprendi em como se aprender línguas, vários métodos em um só (o método Just Talking), meu objetivo é falar sete línguas. 

Tudo que falei aqui são palavras honestas e sinceras, esta é a minha história de vida em relação a aprender Inglês ou línguas. Use essa minha experiência com sabedoria e parcimônia, e você também alcançará o sucesso que deseja, inevitavelmente.

 

JUST TALKING  

COURSE

EVEN MORE NEWS

Just Talking Power Course

Invista em si mesmo, veja o poder de um curso sério, completo e de resultados extraordinários.

 

Membership

Torne-se membro e tenha acesso a uma vasta biblioteca de livros e aos transcripts dos podcasts.

BLOG & VÍDEO & PODCAST

post_habilidade-600x506.png
Learn-from-your-IELTS-mistakes2.jpg
_107243802_gettyimages-944670680.jpg

© 2017 Just Talking English Ltda.  CNPJ 34.585.789/0001-01 Todos os direiros reservados